Páginas

Lar

Um menino e sua família mudaram-se para uma nova casa, em uma nova cidade. No carro, o pequeno pensava em como seria seu novo lar, se seria parecido com o antigo, o qual era a beira-mar, onde se via o horizonte do azul claro do céu em contraste com o azul escuro, em alguns pontos podia-se ver algumas arvores. A imaginação do garoto ficou voando, ate sentir o carro , até sentir o carro parar. Ele olhou em volta e o que viu foi uma casa cercada com muros altos, rodeada de prédios. Ficou perplexo. Perguntou para os pais se estavam no local correto, estes apenas afirmaram.
O menino inconformado caminhou pelos quartos em busca de algo que o agradasse, mas nada achou. A noite caiu e o pequeno dormiu na cama improvisada. Quando amanheceu, o menino distraído foi ate a janela olhar a paisagem, mas não havia nada. Desesperado ele subiu até o ultimo andar, parando em todas as janelas, mas sempre encontrando o muro que o isolava de tudo. Sem mais opções subiu no telhado, mesmo sabendo do perigo.
Chegando ao topo olhou e não viu sua querida paisagem. Dia ia e vinha e o menino ficava cada vez mais triste. Em uma ultima tentativa de se animar, subiu mais uma vez até o topo do telhado e não conseguiu nada, nada além dos tijolos. Ficou chorando até que em um momento olhou para cima, e o que viu foi o seu querido companheiro...Céu. Sorri. Escorregou.
Ia para o hospital deitado na ambulância sorrindo. O céu sempre o acompanhava, na sua antiga casa, durante a viagem e ate mesmo quando era incapaz de ver a sua amizade. Ele sempre estivera lá. E neste momento, o seguia, o observando atentamente. Sorriu mais. E pela primeira vez desde que tinha se mudada considerava a nova como um lar, afinal já tinha um amigo.



Notas da autora: Dedico este pequeno conto a todas as minhas amigas... Rebeca- que ta fazendo nvier hoje- Mariana, Juliana, Isis, Mayara, Soniah, Fernanda. Amo muito todas vocês!!!!! Espero que tenham gostado!!! Obrigada pelos comentários!